Clipping – GaúchaZH – Mercado imobiliário gaúcho teve queda de lançamentos, mas aumento de vendas na pandemia

A BRAIN Inteligência Estratégica fez um raio X do mercado imobiliário na pandemia, comparando com outros períodos, e enviou para a coluna o recorte da região metropolitana de Porto Alegre. Ele mostra que houve queda forte nos lançamentos, mas um aumento de vendas de imóveis. O movimento reduz estoques das construtoras e, caso se perceba fôlego de consumo no horizonte, a tendência é retirar projetos da gaveta, o que já vem se percebendo nas notícias que chegam das empresas do setor.

Conforme a BRAIN, foram lançados onze empreendimentos imobiliários no segundo trimestre de 2020, divididos em nove prédios residenciais, um comercial e outro projeto de casas. O total é 65% menor do que no mesmo trimestre de 2019. Pelos dados, se percebe que a crise fez as incorporadoras e construtoras pisarem no freio nos lançamentos. O primeiro trimestre de 2020 tinha registrado 29 lançamentos, mais do que os 24 projetos dos primeiros três meses do ano passado.

Histórico de lançamentos dos últimos cinco anos:
2016: 115 empreendimentos, somando 16.349 unidades
2017: 88 empreendimentos, somando 9.325 unidades
2018: 100 empreendimentos, somando 9.550 unidades
2019: 101 empreendimentos, somando 10.973 unidades
2020 (primeiro semestre): 40 empreendimentos, somando até agora 3.059 unidades

A consultoria destaca o dado de lançamentos residenciais no semestre. Foram 2.702 unidades residenciais, o que aponta uma queda de 36% em relação ao primeiro semestre de 2019, quando foram 4.219.

A Brain também monitorou as vendas. No primeiro semestre, foram comercializadas 2.294 unidades em Porto Alegre, Canoas e Eldorado do Sul. É um número bem acima do mesmo período de 2019, quando foram 1.840 imóveis. Ou seja, houve um aumento de 24,7%.

Fonte: GaúchaZH


Warning: Division by zero in /home/storage/b/85/51/irirgs2/public_html/wp-includes/comment-template.php on line 1457

Deixe um comentário